Decreto n.º 43426 | júri naval escola professores

Ministério da Marinha - Repartição do Gabinete
Sábado 24 de Dezembro de 1960
297/60 SÉRIE I ( páginas 2885 a 2886 )
Download pdf oficial - Decreto n.º 43426

TEXTO :

Decreto n.º 43426
Reconhecendo-se a necessidade de alterar a redacção do artigo 24.º do Regulamento da Escola Naval, a fim de permitir que do júri a que o mesmo artigo se refere possa fazer parte maior número de professores, nomeadamente, quando se realizarem as provas públicas de que trata o artigo 16.º daquele regulamento;

Usando da faculdade conferida pelo n.º 3.º do artigo 109.º da Constituição, o Governo decreta e eu promulgo o seguinte:

Artigo único. O artigo 24.º do Regulamento da Escola Naval, aprovado pelo Decreto n.º 41894, de 7 de Outubro de 1958, toma a redacção seguinte:

Art. 24.º Para apuramento e selecção dos candidatos será nomeado, por portaria, um júri constituído pelo director e 1.º comandante, como presidente, e por quatro professores, da Escola Naval ou das escolas universitárias, sendo os primeiros indicados pelo conselho escolar.

§ 1.º Quando o júri referido no corpo deste artigo decidir que devem ser realizadas provas públicas, poderá o director e 1.º comandante, ouvido o conselho escolar, propor superiormente que o mesmo júri seja aumentado com mais um ou dois professores, da Escola Naval ou das escolas universitárias, sendo os primeiros indicados pelo referido conselho.

§ 2.º Não podem fazer parte do júri parentes dos candidatos, em linha recta ou linha colateral, até ao 3.º grau.

Publique-se e cumpra-se como nele se contém.
Paços do Governo da República, 24 de Dezembro de 1960. - AMÉRICO DEUS RODRIGUES THOMAZ - António de Oliveira Salazar - Júlio Carlos Alves Dias Botelho Moniz - Fernando Quintanilha Mendonça Dias.

Se acha interessante o diploma
"Decreto n.º 43426 "
partilhe-o no Facebook e Twitter